Bali é uma das 13.6678 ilhas da Indonésia, localizada entre as ilhas de Java e Lombok, com 5.780 km² e 4,3 milhões de habitantes.

Mais de 87% da população Indonésia é muçulmana, no entanto Bali, a ilha mais famosa da Indonésia é Hindu, com uma ramificação da religião que se dá o nome de Hinduísmo Balinês, um oásis de paz, magia e alegria de viver - um mundo a parte dentro da maior nação muçulmana do planeta.

O povo de Bali chegou à ilha há 6 séculos, vindo da ilha vizinha Java. Essa dinastia hinduísta seguida de um séquito de eruditos, intelectuais, dançarinos, escultores e pintores migrou para Bali fugindo do avanço do Islã.

Apesar de receber em média 4,5 milhões de turistas ao ano, seu povo reafirma os valores milenares. Bali sofreu ao longo dos séculos influências das mais variadas culturas provindas da Índia, de Java e da China e resistiu à invasão dos holandeses e japoneses.

Para o balinês, a vida é apenas uma parte de um ciclo eterno de nascimento e renascimento sem fim, e deve ser vivida com muita devoção e arte, num crescente espiritual.

Os Deuses são reverenciados diariamente com oferendas que são confeccionadas em cestas de palha com arroz, flores, frutas e incensos que fazem de Bali uma profusão de aromas e cheiros.

A ilha é toda enfeitada com pinturas e esculturas. Para reverenciarem seus Deuses os balineses se tornaram artistas de primeira e passam esse dom artístico de geração em geração.

A espiritualidade à flor da pele e a amabilidade dos balineses fazem de Bali um lugar mágico.

Devoção, arte, cultura milenar, praias irresistíveis e vulcões se misturam em Bali.

Bali é chamada de "Ilha dos Deuses", tem 22.000 templos e cada casa, hotel ou loja tem um templo particular.

Os templos mais famosos de Bali são:

- BESAKIH - Conhecido como o “templo mãe”, fica aos pés do Vulcão Agung.

- PURA TANAH LOT – Equilibra-se sobre uma formação rochosa no Oceano Índico, é o mais belo dos templos, no pôr do sol fica ainda mais lindo.

- PURA LUHUR ULUWATU – Pende de um penhasco na praia de Uluwatu, famosa pelo surfe, na Península de Bukit.

- PURA ULUN DANU BRATAN – Emerge das águas do Lago Bratan, na cidade de Bedugul.

Ao passear pela ilha a qualquer momento se pode ver uma procissão de balinesas com cestos de frutas e balineses tocando instrumentos musicais indo para o templo. Cerimônias de cremação que acontecem ao ar livre com música, cantos e banquetes, pois acreditam que quando o homem morre, torna-se definitivamente livre e feliz.

A ilha é pequena, mas cada canto reserva hábitos e histórias particulares.

Ao centro de Bali, no meio da floresta está Ubud, a cidade dos artesãos, o centro de cultura e espiritualidade da ilha, aonde se encontram galerias de arte, espetáculos de dança e música tradicionais, templos e muitas oportunidades de conviver de perto com a cultura balinesa.

Em Ubud também estão os famosos terraços de arroz, divididos em tabuleiros nas encostas das montanhas e o Monkey Forest, um santuário, habitat natural do macaco de cauda longa balinês, em uma região de mata nativa, cheia de riachos e templos hindus.

Ao sul de Bali estão as mundialmente famosas praias de surfe, como Uluwatu, Padang Padang, Bingin e Impossibles.

Ao norte da ilha está Lovina, praia de areia preta e mar transparente, famosa pelo passeio para avistar golfinhos.

Perto de Lovina fica a cachoeira Gitgit que tem cerca de 35 m de altura e fica dentro de uma floresta tropical.

Sanur e Nusa Dua são praias de mar calmo, quase sem ondas e repletas de resorts.

A badalação se concentra entre as praias de Kuta, Legian e Seminyak, repletas de restaurantes, lojas e discotecas.

Em todas as praias pode se desfrutar de uma massagem relaxante, deliciosos abacaxis esculpidos na hora e se refrescar nas águas do Oceano Índico ao sol desse lugar mágico e abençoado chamado Bali.

TERIMA KASIH